Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Todas as notícias > Notícias Principais > Servidores do campus participaram de formação pedagógica no dia 31
Início do conteúdo da página

Servidores do campus participaram de formação pedagógica no dia 31

1
Publicado: Quinta, 02 de Agosto de 2018, 08h46 | Última atualização em Sexta, 03 de Agosto de 2018, 14h42 | Acessos: 1440

Durante o evento, servidores ainda participaram de simulação de abandono total do prédio promovida pela Brigada de Incêndio do campus

Servidores docentes e técnico-administrativos do IFRS - Campus Porto Alegre participaram de um dia inteiro de Formação Pedagógica, na última terça-feira, 31 de julho, véspera de início do segundo semestre letivo de 2018. O tema abordado foi "O servidor público como protagonista na construção de um ambiente de trabalho saudável". A programação contou com palestra da psicóloga Tatiana Facchin D'ávila (CIEE) sobre "Motivação e Vida Profissional", na parte da manhã; e à tarde, após almoço de confraternização, os servidores participaram de atividades de debate e discussão em grupos, sobre os assuntos abordados.

Além disso, durante o evento de formação, foi realizado pela Brigada de Incêndio do campus, um simulado de abandono total da edificação. O intuito de realizar o simulado no dia da Formação Pedagógica, em que estavam participando docentes e técnicos-administrativos, foi chamar a atenção para o fato de que todos os servidores tem um papel fundamental em casos de emergência, juntamente com os servidores que fazem parte da Brigada de Incêndio, pois irão auxiliar na saída do prédio os estudantes em situações de sinistro.

O alarme de incêndio foi acionado por volta das 11h30min, alertando o início do simulado, que teve como objetivo fazer com que as pessoas saibam agir em caso de uma situação real de emergência, além de treinar e aperfeiçoar tecnicamente os membros da Brigada de Incêndio.

Todos os outros simulados já realizados no campus tinham sido informados antecipadamente sobre sua realização; porém, desta vez, conforme explica o Técnico em Segurança do Trabalho do campus, Ricardo da Rosa, este não foi informado justamente para que todos tenham ciência de que uma emergência não tem tempo nem hora marcada para acontecer. "O que deve estar na cultura de todos, é saber como proceder em caso de acionamento do alarme de incêndio, abandonando a edificação o mais breve possível com segurança", frisa Ricardo.

Confira quem são os brigadistas do Campus e as orientações de segurança na página do site Atenção à Saúde e Segurança.

 

 

Técnico em Segurança do Trabalho Ricardo explica sobre a realização do simulado de abandono

 

 

Palestra da psicóloga Tatiana D'Ávila tratou sobre motivação no trabalho

  

O diretor-geral Marcelo Schmitt abriu o evento 

 

 

     

Fim do conteúdo da página