Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Todas as notícias > Notícias Principais > IFRS solicita recursos ao governo federal para agilizar obras do PPCI do Campus Porto Alegre
Início do conteúdo da página

IFRS solicita recursos ao governo federal para agilizar obras do PPCI do Campus Porto Alegre

Publicado: Terça, 19 de Fevereiro de 2019, 17h19 | Última atualização em Quarta, 20 de Fevereiro de 2019, 10h00 | Acessos: 1338

O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Sul (IFRS) enviou, nesta terça-feira, 19 de fevereiro de 2019, um ofício à Secretaria de Educação Profissional e Tecnológica (Setec) do Ministério da Educação (MEC) solicitando recursos extra orçamentários para agilizar a concretização das ações previstas no Plano de Prevenção e Proteção contra Incêndios (PPCI) do Campus Porto Alegre. O início do ano letivo no campus ocorreria nesta quarta-feira, 20 de fevereiro, mas foi adiado, como medida de prevenção e cuidado com a segurança da comunidade que circula pelo local (conforme a Portaria 035/2019).

O PPCI do campus possui certificado do Corpo de Bombeiros e encontra-se em fase de implantação. Entretanto, a insuficiência de recursos de investimento impediu a concretização de todas as medidas necessárias no ano de 2018 e, para 2019, o IFRS também não contará com recursos suficientes, considerando o que está previsto no orçamento anual da instituição. Além disso, ainda não ocorreu a liberação integral do orçamento do IFRS, o que inviabiliza a execução das medidas neste momento.

Na tarde desta terça-feira, 19 de fevereiro, gestores do IFRS e do Campus Porto Alegre estiveram reunidos com o Corpo de Bombeiros para buscar orientações e planejar ações conjuntas. Foi solicitada vistoria do Corpo de Bombeiros a fim de confirmar se as atividades podem ter continuidade e quais são os cuidados necessários até todas as ações do PPCI serem implantadas.

A equipe de engenharia do IFRS orçou em R$ 1,2 milhão os recursos necessários para as obras do projeto de adequação. Entendendo que se trata de um caso de urgência, a Gestão do IFRS solicitou à Setec/MEC a descentralização de orçamento para dar início imediato às obras.

A elaboração e execução dos PPCIs é ação prioritária no IFRS. Dentre todas as demandas por investimento na instituição a partir de 2018, a maior parte dos recursos está sendo destinada a esta finalidade, com projetos e obras em execução em diversos campi. Essa prioridade também está expressa no planejamento de infraestrutura do Plano de Desenvolvimento Institucional 2019/2023.  

Leia também:

Comunicado do Campus Porto Alegre sobre o adiamento do ano letivo

 

(Com informações do Portal do IFRS)

Fim do conteúdo da página