Ir direto para menu de acessibilidade.
Você está aqui: Página inicial > Todas as notícias > Notícias Principais > Solenidade marcará início de novo mandato de reitor e diretores-gerais de campi do IFRS
Início do conteúdo da página

Solenidade marcará início de novo mandato de reitor e diretores-gerais de campi do IFRS

Publicado: Quarta, 26 de Fevereiro de 2020, 17h15 | Última atualização em Quarta, 26 de Fevereiro de 2020, 17h33 | Acessos: 749

Será realizado na quinta-feira, 27 de fevereiro de 2020, o ato simbólico de recondução do professor Júlio Xandro Heck ao cargo de reitor do Instituto Federal do Rio Grande do Sul (IFRS), e a solenidade de posse dos diretores-gerais dos 17 campi.

Na oportunidade, o professor Fabrício Sobrosa Affeldt participará do ato simbólico no qual assume a direção-geral do Campus Porto Alegre.

Os dirigentes foram eleitos pela comunidade acadêmica do IFRS em outubro de 2019 e assumirão um mandato de quatro anos. A cerimônia ocorrerá às 15h, na Fundação Casa das Artes, em Bento Gonçalves, e contará com a presença de servidores do IFRS, familiares dos dirigentes, autoridades e imprensa.

A posse do reitor Júlio ocorreu em Brasília no dia 18 de fevereiro. Ele ocupa o cargo de reitor desde maio de 2018, quando assumiu um mandato pro tempore após ter sido eleito em pleito excepcional devido à vacância do cargo (saiba mais).

Conheça os diretores-gerais de campi do IFRS empossandos:

Campus Alvorada – diretor reeleito Fábio Azambuja Marçal

Campus Bento Gonçalves – diretor eleito Rodrigo Otávio Câmara Monteiro

Campus Canoas – diretora eleita Patrícia Nogueira Hübler

Campus Caxias do Sul – diretor eleito Jeferson Luiz Fachinetto

Campus Erechim – diretor reeleito Eduardo Angonesi Predebon

Campus Farroupilha – diretor reeleito Leandro Lumbieri

Campus Feliz – diretor eleito Marcelo Lima Calixto

Campus Ibirubá – diretora eleita Sandra Rejane Zorzo Peringer

Campus Osório – diretora eleita Flávia Santos Twardowski Pinto

Campus Porto Alegre – diretor eleito Fabrício Sobrosa Affeldt

Campus Restinga – diretor eleito Rudinei Müller

Campus Rio Grande – diretor reeleito Alexandre Jesus da Silva Machado

Campus Rolante – diretora eleita Cláudia Dias Zettermann

Campus Sertão – diretor reeleito Odair José Spenthof

Campus Vacaria – diretor reeleito Gilberto Luiz Putti

Campus Veranópolis – diretor eleito Daniel de Carli

Campus Viamão – diretor reeleito Alexandre Martins Vidor

 

Sobre o reitor do IFRS

Júlio Xandro Heck tem 42 anos e atua no magistério há 13, período no qual foi também pró-reitor de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do IFRS (de 2013 a 2016). É formado em Química Industrial de Alimentos, possui mestrado em Microbiologia Agrícola e do Ambiente, doutorado em Biologia Celular e Molecular e pós-doutorado em Biotecnologia.

 

Sobre os diretores-gerais de campi do IFRS

Campus Alvorada – O diretor reeleito, Fábio Azambuja Marçal, é graduado em História pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (1999), tem mestrado em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (2005) e Doutorado em Educação pela UFRGS (2015).

Campus Bento Gonçalves – O diretor eleito, Rodrigo Otávio Câmara Monteiro, é professor titular do Campus Bento Gonçalves. Ingressou há 12 anos. É engenheiro agrônomo e mestre em Irrigação e Drenagem pela UFC; doutor em Irrigação e Drenagem pela Universidade de São Paulo e pós-doutor em Biometeorologia e Sensoriamento Remoto pela University of California. Foi diretor de Pesquisa e Extensão e, após alteração regimental, diretor de Pesquisa e Inovação do Campus Bento Gonçalves. Foi diretor de Fomento à Pesquisa e ao Desenvolvimento Tecnológico junto à Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do IFRS.

Campus Canoas – A diretora eleita, Patrícia Nogueira Hübler, é formada em Informática pela Universidade Luterana do Brasil (Ulbra), com pós-graduação em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), mestrado em Ciência da Computação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Ufrgs) e doutorado em Ciência da Computação pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS). Trabalhou em diferentes segmentos, como: comércio, prestação de serviços, escolas, empresas e universidades. Ingressou no IFRS em 2010 como professora de Ensino Básico, Técnico e Tecnológico – dedicação exclusiva e foi coordenadora do Curso Técnico Subsequente ao Ensino Médio em Informática, diretora de Ensino do Campus Canoas, coordenadora do Curso Superior de Tecnologia em Análise e Desenvolvimento de Sistemas e pró-reitora Adjunta de Ensino do IFRS.

Campus Caxias do Sul – O diretor eleito, Jeferson Luiz Fachinetto, é engenheiro mecânico e de segurança do trabalho, com mestrado em Metalurgia e especialização em Administração da Produção. Possui mais de dez anos de atuação industrial na áreas de Gestão de Produção, Processos de Fabricação e Planejamento e Controle da Produção. Experiência docente, atuando como professor e instrutor de cursos de formação profissional e em instituições de ensino técnico e superior. Atualmente é professor nomeado da carreira do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico do IFRS, lotado no Campus Caxias do Sul desde 2013, e coordenador do curso de Engenharia de Produção no período 2017 a 2020.

Campus Erechim – O diretor reeleito, Eduardo Angonesi Predebon, é advogado e administrador, com mestrado e doutorado em Administração.

Campus Farroupilha – O diretor reeleito, Leandro Lumbieri, é formado no curso Técnico Integrado de Contabilidade, é contador, licenciado em Ciência Contábeis pelo IFRS, mestre em Ciências Contábeis com ênfase em Finanças Corporativas pela Unisinos. Foi empresário dos setores de indústria e serviços. É professor há mais de 12 anos. Chegou ao Campus Farroupilha em 2013, quando atuou como docente, sendo posteriormente coordenador de Ensino (2014 e 2015) e membro titular do Conselho de Campus. Em 2015 assumiu a Direção de Ensino do Campus. Desde 2016 é diretor-geral do Campus Farroupilha, sendo, assim, conselheiro do Conselho Superior.

Campus Feliz – O diretor eleito, Marcelo Lima Calixto, é formado em Letras Português Espanhol pela Universidade Federal de Rio Grande, mestre em Letras pela Universidade de Passo Fundo e doutorando em Letras pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. É funcionário público há 20 anos. Desse período, 11 anos foram dedicados ao ensino na rede estadual e há nove anos atua na rede federal como professor de Língua Portuguesa do IFRS. De 2011 a 2015 atuou no Campus Ibirubá, onde contribuiu como professor, coordenador de Ensino e diretor de Ensino. A partir de 2015, é professor no Campus Feliz, onde também esteve coordenador de curso por um período de aproximadamente dois anos.

Campus Ibirubá – A diretora eleita, Sandra Rejane Zorzo Peringer, é professora de Matemática. Possui graduação em Matemática e especialização em Matemática pela URI Santo Ângelo; mestrado em Engenharia da Produção pela UFSM. Têm mais de 25 anos de experiência docente no Ensino Básico, Ensino Superior, cursos de especialização e em cursos de formação de professores. Em 2013 ingressou como professora no Campus Ibirubá. Coordenou o curso de Matemática de 2013 a 2015. Desde 2015 atua como diretora de Ensino, diretora-geral substituta e ordenadora de Despesa substituta. Foi representante do Conselho de Campus, da Comissão de Avaliação e Gestão de Ensino, Comissão Interna de Acompanhamento das Ações de Permanência e Êxito dos Estudantes, foi membro de comissões organizadoras de eventos. Também foi coordenadora e colaboradora de projetos de ensino e extensão.

Campus Osório – A diretora eleita, Flávia Santos Twardowski Pinto, é formada em Engenharia de Alimentos, tem mestrado em Ciência e Tecnologia de Alimentos e doutorado em Engenharia de Produção pela Ufrgs. Há mais de nove anos, tornou-se professora do IFRS, onde desenvolve projetos de pesquisa com estudantes do Ensino Médio e Superior. Coordena um projeto de pesquisa do CNPq Meninas nas Ciências exatas, engenharia e matemática com estudantes do ensino fundamental.

Campus Porto Alegre – O diretor eleito, Fabrício Sobrosa Affeldt, ingressou na rede federal em 2008, no Campus Feliz, onde participou das propostas dos primeiros cursos do campus e foi diretor de Ensino. Na Reitoria, atuou como pró-reitor de Desenvolvimento Institucional adjunto e como diretor de Planejamento Estratégico. Desde 2016, atuou como diretor de Administração no Campus Porto Alegre. Nos mais de 11 anos de experiência na gestão pública, seguiu atuando nas atividades docentes, nos núcleos estruturantes e nas comissões de elaboração de cursos do Campus Porto Alegre. Possui doutorado em Administração pela UFRGS, mestrado e  especialização em Administração e é bacharel em Administração/Análise de Sistemas de Informação pela PUC-RS. Realizou formação pedagógica na Finlândia, no Programa Professores para o Futuro do MEC, estudando e aplicando as metodologias ativas de aprendizagem nas atividades de ensino, pesquisa e extensão.

Campus Restinga – O diretor eleito, Rudinei Müller, é graduado em Filosofia pela Faculdade de Filosofia Nossa Senhora da Imaculada Conceição (1990); mestre (1997) e doutor em Filosofia (2011) pela Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, pós-doutor em Filosofia da Educação pelo PPGEDU-UFRGS. Possui mais de 25 anos de experiência docente entre a Educação Básica e Ensino Superior em nível de graduação e pós-graduação. Na gestão da educação possui experiência de seis anos como coordenador de área nas séries finais do Ensino Fundamental, 12 anos na coordenação do curso de Filosofia e cinco anos na coordenação geral do Pós-graduação lato sensu no Unilasalle/Canoas. Desde 2010 é professor com dedicação exclusiva do IFRS, coordenador do Curso Técnico em RH/Comércio Proeja há mais de cinco anos, foi candidato a Reitor do IFRS em 2015 e é representante dos docentes no Conselho do Campus Restinga e no Conselho Superior do IFRS.

Campus Rio Grande – O diretor reeleito, Alexandre Jesus da Silva Machado, tem graduação em Disciplinas Especializadas para a Educação Profissional e Matemática, é especialista em Metodologia do Ensino e doutor em Informática na Educação. Tem experiência de oito anos atuando como coordenador do curso de Eletrotécnica, dez anos na coordenação do Núcleo de Educação da Distância e está assumindo o terceiro mandato (não consecutivo) como diretor-geral do Campus Rio Grande.

Campus Rolante – A diretora eleita, Cláudia Dias Zettermann, é médica veterinária pela Universidade Federal de Santa Maria, mestre e doutora em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual Paulista – Campus de Jaboticabal. Iniciou a carreira docente em 1999, no ensino superior, em curso de Bacharelado em Medicina Veterinária. Na rede federal de ensino iniciou sua trajetória em 2011, no IFSP, e em 2015 foi redistribuída para o IFRS Campus Rolante. No Campus Rolante ocupou os cargos de coordenadora de pesquisa, pós graduação e inovação e de diretora de ensino, além de atuar como docente no curso técnico em agropecuária e de desenvolver projetos de pesquisa, ensino e extensão na área de sanidade animal.

Campus Sertão – O diretor reeleito, Odair José Spenthof, é professor do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico, mestre em História pela UPF e doutor em Educação pela Unisinos. É ex-aluno da Escola Agrotécnica Federal de Sertão (atual IFRS – Campus Sertão) formado no ano de 1991 no curso Técnico em Agropecuária. Foi secretário municipal de Educação e professor da rede estadual do Rio Grande do Sul, coordenador-geral de Ensino entre 2008 e 2009 na antiga EAFS. Exerceu seu primeiro mandato de diretor-geral do Campus Sertão do IFRS entre 2016 e 2020, sendo reeleito para o período 2020-2023.

Campus Vacaria – O diretor reeleito, Gilberto Luiz Putti, é engenheiro agrônomo, tem mestrado e doutorado em Fruticultura/Fisiologia Vegetal. É professor do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico desde abril de 2008 da área de fruticultura/horticultura no IFRS. É diretor do Campus Vacaria desde 2014.

Campus Veranópolis – O diretor eleito, Daniel de Carli, é servidor do IFRS desde 2010, com passagem pelos campi de Bento Gonçalves, Feliz – como professor temporário –  e Veranópolis. Desde 2014 atua no Campus Avançado Veranópolis, tendo participado do processo de implantação do campus. Possui graduação na área de Desenvolvimento de Sistemas, especialização em Engenharia de Software e mestrado em Educação.

Campus Viamão – O diretor reeleito, Alexandre Martins Vidor, é mestre em Economia, graduado em Direito e docente do IFRS. Atuou como diretor adjunto de Desenvolvimento da Rede Federal de Educação Profissional e Tecnológica do Ministério da Educação e coordenador-geral de Planejamento e Gestão da Rede Federal, entre 2007 e 2011. Participou como membro titular do Grupo de Trabalho Permanente para Arranjos Produtivos Locais. Foi membro da Gerência Nacional para acompanhamento, supervisão e avaliação dos módulos de pesquisa, desenvolvimento, implantação e suporte do Sistema de Informações da Educação Profissional e Tecnológica entre 2008 e 2011. Foi membro titular do MEC no Comitê Gestor da Preparação e da Implementação de Projetos de Cooperação Técnica e de Acordos de Empréstimos Internacionais do Ministério da Educação e do Grupo Especial de Apoio Técnico entre os anos de 2008 e 2010. Atuou como coordenador adjunto do Pronatec entre os anos de 2014 e 2016. Atualmente é diretor-geral do Campus Viamão do IFRS.

Leia também:

> Reitor do IFRS, Júlio Xandro Heck, toma posse para mandato de quatro anos

> Publicada a nomeação de Júlio Xandro Heck para novo mandato como reitor do IFRS

Fim do conteúdo da página